Home / Matéria / Governador intimado pela PF é elogiado por Joaquim Barbosa e quer ser vice

Governador intimado pela PF é elogiado por Joaquim Barbosa e quer ser vice

O governador do Espírito Santo, Paulo Hartung (PMDB), admitiu o desejo de formar uma parceria, com vistas às eleições de 2018, com o ex-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa. “Claro que toparia. Seria honroso estar com ele num projeto”, afirmou Hartung ao jornal “A Tribuna”, de seu Estado, na edição de domingo. O governador estaria disposto a ajudá-lo a montar uma aliança com vistas às eleições presidenciais de 2018, aparentemente pleiteando a vice-presidência em uma chapa encabeçada pelo ex-ministro.

A declaração é uma resposta à fala feita por Joaquim Barbosa em entrevista ao jornal Valor Econômico na edição de sexta-feira (1) e fim de semana. Na ocasião, Barbosa elogiou Hartung e disse que, se entrasse na política, “iria chamar” Hartung para uma parceria.

Em julho, Hartung foi intimado pela Polícia Federal e prestou depoimento na Delegacia de Combate ao Crime Organizado, em Brasília. O interrogatório foi determinado pelo ministro do STF Luís Roberto Barroso e ocorreu, em sigilo, no primeiro semestre deste ano, de acordo com o jornalista Lauro Jardim, de O Globo.

Na campanha de 2014, Hartung recebeu R$ 800 mil da OAS por intermédio de seu partido. O fato surgiu em meio ao inquérito que apura pagamento de propinas a políticos, e, portanto, o STF deferiu pedido da PF para intimar o governador a dar sua versão sobre a maior doação recebida por ele na eleição passada.

 

Sobre RedatorJornalivre

Leia também

ESCÂNDALO: Vereadora do PSOL monta mega-esquema de corrupção e desvio de verba pública, diz site

Segundo noticiou o Diário Nacional, a Vereadora de São Paulo Sâmia Bomfim do Partido Socialismo …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *