Home / Notícia / Artistas norte americanos passam vergonha ao protestarem contra leilão brasileiro

Artistas norte americanos passam vergonha ao protestarem contra leilão brasileiro

O ator norte americano Mark Ruffalo, conhecido por interpretar o Hulk nos cinemas, publicou uma foto nas redes sociais segurando um cartaz com a hashtag #LeilaoFossilNao.

DKk8kGkW0AARn6m

Assim se iniciou uma nova campanha encabeçada por artistas pseudo esquerdistas, aqueles que não devem ter muito conhecimento político porém se posicionam à esquerda pois é a tendência do meio. Maggie Gylenhaal e Peter Sarsgaard também “abraçaram a causa” que visa pressionar o Governo do Brasil.

A causa da revolta dos hollywoodianos é um leilão, que está ocorrendo nesta quarta-feira, 27. Se trata da 14ª rodada de licitações para exploração convencional e não-convencional de petróleo e gás. Serão ofertados 287 blocos em 29 setores de nove bacias sedimentares, totalizando uma área de 122.615,71 quilômetros quadrados.

A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis, ANP, realizou o leilão nesta manhã, ocorreu no Windson Barra Hotel, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro.

Diferente da histeria esquerdista, a ANP declarou que o objetivo do leilão é ampliar as reservas e a produção brasileira de petróleo e gás natural, aumentar o conhecimento das bacias sedimentares, descentralizar o investimento exploratório no país desenvolvendo a pequena indústria petrolífera e fixar empresas nacionais e estrangeras, dando continuidade à demanda por bens e serviços locais para geração de empregos e à distribuição de renda.

As ONGs 350.ORG, Coalização Não Fracking Brasil pelo Clima, Água e Vida organizaram uma manifestação contra o leilão no dia de ontem, terça-feira, 26.

O Movimento Brasil Livre, em página oficial no Facebook, criticou a atitude dos contrários ao leilão, e do ator Mark Ruffalo:

Hoje, o governo está leiloando diversos poços de petróleo do pré-sal que não são explorados pois o PT quebrou a Petrobras. Quando o PT fez O MESMO LEILÃO em 2013, não teve artistinha ecologista reclamando de combustível fóssil; mesma coisa com a produção de petróleo dos socialistas da Venezuela.

Mark Ruffalo tem que parar de ser um ecobabaca e de se intrometer na recuperação econômica do Brasil, ou, ao menos, que reclame do petróleo saudita e venezuelano – coisa que o beautiful people politicamente correto nunca irá fazer.

As informações são dos sites Valor e Vix.

 

Sobre RedatorJornalivre

Leia também

PT quer fazer “controle social” do Judiciário

Fernando Haddad segue sua jornada de entrevistas como dublê de coordenador de programa de governo …

5 comentários

  1. pequena industria petrolífera??? a Petrobras é uma das maiores industrias do mundo entre todos os segmentos. O MBL está meio perdido… estas ligações do movimento com o Cunha devem ter travado os neurônios da peruzada. Zelar pela natureza é ser esquerdista??? Que tipo de movimento livre é este que rotula as pessoas sem permitir que se expressem.

  2. Os esquerdopatas americanos são totalmente ignorantes, desconhecem que o governo americano não possui empresas de petróleo.

  3. Faz o Hulk, que é seu papel. O papel de idiota deixa para os militantes esquerdistas daqui.

  4. 1) Os eco-esquerdistas precisam combinar melhor as narrativas com os petro-esquerdistas.
    O petróleo e a camada do pré-sal não eram a salvação do Brasil, segundo a dona Assombração Rousseff?
    Tá, eram a salvação do PT e do Lulão, mas a mídia vendeu para a população a narrativa de que o futuro do Brasil seria maravilhoso com os lucros da venda do petróleo. O Rio de Janeiro que o diga.
    Agora que o Brasil é comandado pelo presidente “golpista” MIchel Temer, o petróleo e a camada do pré-sal são considerados nefastos para o planeta?
    O esquerdismo extremista e oportunista causa mais estragos ao mundo do que os combustíveis fósseis.
    2) O petróleo não serve apenas para ser queimado. Ele é matéria-prima para uma infinidade de produtos importantes para a humanidade.
    Parece que os eco-esquerdistas não sabem disso.

    • Dar-se ao menos o trabalho de entender o foco do protesto que é bom nada, achar que é meramente uma questão politiqueira, do tipo, quem esta perfurando hoje é o mesmo de ontem ?.é no mínimo sinal do cretinismo que impera hoje na internet e alavanca essa histeria coletiva e caça às bruxas promovido por grupelhos de “boas” intenções duvidosas
      Uma pesquisa básica sobre o impacto ambiental causado pelos fracking, seja na América Latina e até mesmo no próprio EUA, faria até Benito Mussolini posar com uma plaquinha escrita # LeilaoFossilNao

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *