Home / Notícia / Denúncia de Janot contra Temer pode ter documentos falsos, segundo Revista Veja

Denúncia de Janot contra Temer pode ter documentos falsos, segundo Revista Veja

Informa a Veja:

Na segunda denúncia contra Michel Temer, Rodrigo Janot cita inquéritos que o ex-advogado da Odebrecht, Rodrigo Duran, afirma terem provas falsas fornecidas pela empreiteira ao MP. Duran questiona os extratos de uma conta no Meinl Bank, em Antígua. Entre os problemas, datas em português num documento em inglês e a movimentação da conta depois de encerrada. Na denúncia, Janot utiliza extratos do mesmo banco, com as mesmas inconsistências, para acusar Temer, Eduardo Cunha e Henrique Alves.

E mais:

O extrato abaixo, por exemplo, indica intervalo de dois anos entre duas movimentações, uma em 6 de outubro de 2010 e a seguinte em 26 de setembro de 2012. Outro extrato da mesma conta mostra, entretanto, que foram feitas transações neste período. Além disso, o extrato foi feito no dia 14 de outubro de 2016. Na data, o sistema do banco estava sob bloqueio de autoridades suíças, inviabilizando a operação. O saldo também é alvo de suspeitas. Um extrato aponta para cerca de 1,3 milhões de dólares. Em outro, da mesma conta e data, o montante está negativo em 178 mil dólares.

Já no documento abaixo, oito transferências bancárias (book transfer) foram inseridas de forma manual, e consideradas fraude. Elas estão sublinhadas.

Se isso se confirmar, Janot pode estar realmente muito encrencado. Por certo ele já deveria estar sendo investigado a respeito de sua atuação no ridículo acordo de impunidade da JBS, o qual foi homologado antes mesmo de a Polícia Federal periciar as provas. Agora, mais essa. Parece que o ex-PGR estava mesmo imbuído de interesses políticos.

Sobre RedatorJornalivre

Leia também

Acredite se quiser: agora Dilma diz que não quebrou a Petrobras

Dilma Rousseff negou que tenha quebrado a Petrobras. Ela disse, segundo a Folha de S. …

Um comentário

  1. Rodrigo Enganot vai ser tragado pela própria arapuca que armou para tragar a República.Toma cuidado fantoche que o feitiço virou contra o feiticeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *