Home / Notícia / Gleisi faz festa após absolvição de Vaccari e acha que ela e Lula escaparão da prisão

Gleisi faz festa após absolvição de Vaccari e acha que ela e Lula escaparão da prisão

Presidente nacional do Partido dos Trabalhadores, a senadora Gleisi Helena Hoffmann (PT-PR), citada nas planilhas de propina da Odebrecht sob o sugestivo codinome “Amante”, não conseguiu esconder, na terça-feira (27), a euforia diante da absolvição de João Vaccari Neto, ex-tesoureiro do PT, condenado a quinze anos de prisão pelo juiz Sérgio Moro, responsável na primeira instância da Justiça Federal pelos processos resultantes da Operação Lava-Jato.

Gleisi acredita que a decisão do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), que reformou a sentença envolvendo Vaccari, poderá beneficiá-la, assim como ao alarife Lula, que responde na Justiça por crimes de corrupção e lavagem de dinheiro, os mesmos que embasaram a condenação do ex-tesoureiro petista. Em outras palavras, a senadora paranaense vislumbrou na decisão do TRF-4 a possibilidade de ela e Lula escaparem da cadeia.

Em nota, Gleisi Helena afirma que a decisão da 8ª Turma do TRF-4 mostra o cuidado que deveria ser tomado pelas autoridades antes de aceitar delações premiadas que não são acompanhadas de provas.

“A decisão de segunda instância também chama a atenção quanto ao uso abusivo de prisões preventivas, que submetem, injustamente, pessoas a privação de liberdade”, diz Gleisi.

O marido da senadora petista, o ex-ministro Paulo Bernardo da Silva (Planejamento e Comunicações), foi preso preventivamente sob a acusação de comandar uma quadrilha que subtraiu mais de R$ 100 milhões de servidores federais e aposentados que recorreram a empréstimos consignados por meio do sistema Consist. A própria Gleisi só não foi presa ainda por gozar do foro especial por prerrogativa de função, o chamado foro privilegiado.

João Vaccari Neto havia sido condenado pelo juiz federal Sérgio Moro por suposto recolhimento de propina em contratos da Petrobras com a empresa Sete Brasil.

A decisão foi tomada por dois dos três desembargadores que compõem a 8ª Turma do TRF-4: Leandro Paulsen e Victor Luiz dos Santos Laus, que votaram pela absolvição, e o relator João Pedro Gebran Neto, que confirmou a condenação de Vaccari. 

As informações são do blog de Cesar Weis.

Sobre RedatorJornalivre

Leia também

Marina diz que vai ter “guerra civil” se as pessoas puderem ter direito de se defender

Marina Silva disse a Folha, UOL e SBT que “a obrigação de combater o crime …

2 comentários

  1. José das Couves da Silva Sauro

    Só que não. Pois possam prender o Lula como uma forma para que em troca deixe o governo desviar o foco e se livre das críticas quando o molusco for condenado. Assim, ele por ser informante do DOPS no passado, ou seja, um infiltrado no meio sindicalista, vai querer contar tudo, só que depois disso corre o risco de ser morto na cadeia: https://youtu.be/ZuLDGXN9ybc
    Independente de acreditar ou não em revelação profética, ele acertou tudo.

  2. ladra e vagabunda sem vergonha

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *