Home / Notícia / Janot pode ser processado assim que deixar o cargo

Janot pode ser processado assim que deixar o cargo

Informa a coluna de Mônica Bergamo:

O procurador-geral Rodrigo Janot pode ser alvo de ações judiciais assim que deixar o comando da Procuradoria-Geral da República, no próximo mês. A iniciativa já é discutida entre alvos da Operação Lava Jato.

E ainda:

Se as iniciativas forem adiante, elas serão apreciadas pelo STJ (Superior Tribunal de Justiça): Janot, como subprocurador, terá foro privilegiado. O clima na Corte não é dos melhores para o atual procurador-geral, que já pediu investigação contra dois integrantes do colegiado -os ministros Francisco Falcão e Marcelo Navarro.

A vida de Janot não está nada fácil, uma vez que seu plano de parceria com Joesley ficou escancarado demais. A pressão sobre ele já é grande agora e tende a aumentar muito após sua saída da PGR.

Sobre RedatorJornalivre

Leia também

PT quer fazer “controle social” do Judiciário

Fernando Haddad segue sua jornada de entrevistas como dublê de coordenador de programa de governo …

4 comentários

  1. Por mim, ele iria preso imediatamente. Mas como estamos em Bananaland…

  2. Não esqueçam a GLOBO e Fachin neste conluiou.

  3. É o preço de sua seletividade e por fazer uso político de seu cargo. Foi leal aos criminosos petistas. Um completo desserviço ao Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *