Home / Notícia / Nota / Após mudar de sexo, transexual é reconhecida legalmente como homem e perde direito a pensão

Após mudar de sexo, transexual é reconhecida legalmente como homem e perde direito a pensão

Existe um benefício das Forças Armadas concedido especialmente para as filhas – mas não para os filhos – de militares falecidos ou aposentados. A pensão tem um valor relativamente alto a depender do cargo ocupado pelo militar em questão.

Ocorreu, no entanto, que a filha de um militar que recebia esta pensão resolveu fazer mudança de sexo. Ela mudou também sua identidade, passando a ser legalmente reconhecida como homem. A pensão, que vinha da Marinha, foi cortada, uma vez que só é concedida às filhas do sexo feminino.

Quem julgou a causa foi o juiz federal Frederico Montedonio Rego, segundo O Globo.

 

Sobre RedatorJornalivre

Leia também

Piração: UnB terá aula de “felicidade”

A Universidade de Brasília vai oferecer no próximo semestre uma disciplina sobre felicidade, focada em …

90 comentários

  1. Em minha opinião, toda ação gera uma reação. Quando escolhemos traçar um caminha, tomar uma decisão, temos que sempre levar em conta as consequências disso. E nesse caso não foi diferente.
    Se queremos ter direitos, precisamos estar prontos para os deveres. Quem sabe se para Ela/Ele, é mais importante a transformação do que a pensão do finado pai?

    • Com certeza “ela” já sabia que isso iria acontecer e sua opção foi por tornar-se homem mesmo assim. Se esse era o seu principal objetivo qual o problema? Demonstrou que não é apegada a nada e que apenas que ser feliz. Tornou-se um rapaz e vai trabalhar normalmente e prover o seu sustento. Isso mesmo meu querido haja do seu jeito e não como as pessoas querem…

  2. Não apareceu nenhuma nota dele reclamando o corte de pensão. Não sei pq ficam rindo… Muito melhor poder ser quem vc realmente é, do q receber uma grana mensalmente, mas se olhar no espelho e n se identificar! Achei bem válida a troca, e nessa situação, provavelmente teria feito o mesmo!

    • Na verdade ele reclamou sim do corte na pensão, e entrou com um processo contra a marinha, por isso na noticia a ultima frase diz “Quem julgou a causa foi o juiz federal Frederico Montedonio Rego”

    • Reclamou sim, argumentou que visitava a ginecologista portanto, no interior era mulher ainda. Mas o juiz contra argumentou que ele não poderia por mais que o prejudicasse financeiramente, atrapalhar a mudança dele.

    • Ele entrou na Justiça para reverter a perda da pensão alegando inclusive que é parcialmente uma mulher por ser tratado também por um ginecologista. Ou seja, independente da sexualidade é um brasileiro típico, que quando lhe convém quer ser tratado de um jeito e quando não lhe convém quer ser tratado de outro.

  3. Credo, não dá pra ler esses comentários. E de chegar de tristeza diante de tanta intolerância… O que o povo tem a ver com qual gênero a pessoa tem??? Esse negócio de pensão só deveria ser dada a quem é incapaz de trabalhar pra provar seu sustento uma vez que o provedor morra. Não importa se homem ou mulher…

  4. Verdadeiro tiro no pé! Kkkkkk

  5. Uai, normal.. com certeza já estava ciente disso. Sem contar que essa pensão é ridícula, nem devia existir mais.

    • Procure se informar mais. Esta pensão não é dada gratuitamente. É opcional. O militar que quiser deixar uma pensão a filha ele tem que pagar do bolso dele um determinado valor que é descontado em folha. Antigamente não era assim. Já faz uns 13 ou 14 anos se não me engano que essa lei mudou.

  6. Morau da estória: o biláu me deixou na miséria….

    • 🤔 Existem coisas que nem a ciência explica… ela não tem Bililiu e é homem? Vai explicar isso para a sua avó, vc vai tomar um baita bofetão e ainda vai ouvir: Cria vergonha nessa cara…

  7. Todos os comentários são plausíveis ….

  8. Com certeza ja sabia das consquências, agora é só assumir sua verdadeira identidade e seguir em frente, boa sorte para ele….

  9. Agora ela (ele…sei lá oq…) vai descobrir que a história de que homem tem mais direitos que a mulher não é verdade…kkkkkkkkkkkkk

  10. uahsuashaushaushausauss

  11. Quantos comentários sem compaixão ao próximo, esses tipos devem aplaudir quando ocorrem tragédias terrorista ou movimentos nazista onde centenas ou milhares de seres humanos são mortos e massacrados por atos violentos. Acredito que essa pensão que por mais que venha com um desconto à mais na folha de pagamento do militar não deveria existir, mulheres, homens ou outro gêneros são totalmente capazes e sem limitações para desempenhar qualquer atividade e ser auto sustentável. Parabéns ao rapaz que concerteza já sabia e iria perder o benefício antes da troca, essa reportagem não aparenta ter todas as informações do caso o que torna um pouco mais perigoso para nossa interpretação de julgamento. Faça a diferença mais amor e menos mas muito menos intolerância.

  12. oodir@hotmail.com

    Depois de todos os comentários, só tenho a acrescentar, “E ainda vai ter que servir às Forças Armadas”. kkkkk

  13. Sacrificou a pensão pra mostrar que é cabra macho!
    👍👍👍👍

  14. agora vai reclamar de que? de não receber por ser homem ou pq ainda é mulher mas agora é homem……. caraio deu nó cérebro kkkkk

  15. Não tem que cobrar taxa dos militares pra dar esse benefício. E esse benefício também não deveria existir.
    Bem feito pra doida.

  16. Excelente. Reduziu o rombo da previdência.

  17. Seja macho homem não chora kkkkk sifu

  18. E se fosse o contrário.
    Um homem mudar de sexo e virar mulher, passa a ter o direito de receber a pensão do pai militar?

  19. Vai lá machão, trabalha pra se manter!

  20. Os militares pagam um percentual extra maior para poder deixar a pensão para filhas. Se quiser, ele não é obrigado a pagar, se não pagar a filha perde o direito. Filhas, do sexo feminino, com nome feminino. A marinha fez o certo. Se não é mulher, não tem direito.

    • Pagam o percentual os militares que pegaram o período de transição e optaram por manter o benefício. Atualmente pensão para filhos somente até os 21 anos de idade ou 24 em caso de estudante universitário

    • Verdade . Concordo plenamente, agora ela(ele) tem uma dívida com o país tem que se alista tbm é servi já que é reconhecida como homem nada mais justo que fazer seu dever de homem na sociedade!

    • Pagam 1,5% do salário, percentual ridículo… O cara morre e a filha fica 40 anos recebendo o salário integral do militar. Absurda essa lei. Os militares são responsaveis por quase 50% do déficit da previdência, pois além desse absurdo, pagam apenas 7% de INSS, enquanto os outros servidores publicos pagam 11%.

    • Excelente explicação!!!É isso mesmo os pais pagam para as filhas terem esse direito.

    • Muito bem explicado

  21. rafaelros, a pensão para as filhas dos militares já foi extinta em 2001, apenas quem já era militar e optou, na época, por continuar a descontar mais sobre a pensão militar ainda tem esse direito. Quem entrou para as forças armadas depois disso não tem mais essa opção.

  22. Paulo macho segundo o que Deus em fez.. e ele não erra

    mais eu rio muito eu fico muito feliz! isso me faz bem.. obrigado macho machooooo kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  23. Não sei o que é mais ridículo a situação dela (dele) ou esta lei que já deveria ser extinta desde que os militares entregaram o poder, seria válido se o cara estivesse morrido em combate, mais aí é outra história

    • Concordo plenamente esse país é uma vergonha, enquanto alguns recebe benefícios inesplicaveis, outro se mata de trabalhar e o pouco que ganha vai embora nos impostos.

    • Renata Nascimento

      Rafael talvez você devesse entender um pouco mais sobre a questão antes de gerar uma opinião como essa. Caso se informar melhor, entenderá que a pensão em questão é paga pelo próprio militar e que é descontado todo mês do seu salário. Não é advindo este recurso dos cofres públicos. Portanto, jamais deveria ser extinto e sim reconhecido pela sociedades pelos serviços prestados de seus honrosos militares.

    • Concordo plenamente contigo

    • rafaeiros…vc precisa se informar antes de escrever asneiras! É opcional ao militar o pagamento de um percentual mensal, descontado em folha, caso o mesmo deseje garantir a pensão da FILHA após o seu falecimento. Nesse caso “filho” não faz jus após os 18 anos!

    • Só a critério de informação, essa lei já foi extinta no ano 2000, mas quem já havia adquirido o direito foi mantido.
      Outra informação é que essa lei foi criada antes do período do regime militar.

    • Este benefício já não existe mais, há anos foi cancelado, somente quem tinha direito adquirido pode mantê-lo.
      Nenhum militar que incorporou a partir de 1991 faz jus a este benefício. Mas não compensa para a mídia informar a população. Manter a população desinformada da magia Ibope.

    • Para o seu conhecimento e o de outros que não possuem esse tipo de informação: atualmente só recebe esta pensão as filhas cujos pais pagaram na época da ativa para que as mesmas fossem beneficiada.
      Quanto ao caso descrito se há o reconhecimento legal que a mesma é do sexo masculino a perda é justa

    • Esse benefício foi extinto em 2000 , quem já possuía permaneceu e quem entrou na força depois de 2000 não tem mais direito. O pai dessa moça entrou antes de 2000.

    • Realmente nos dias em que vivemos é incrível ainda existirem essas regalias.

    • A lei já foi extinta. Releia matéria.

    • Eles pagam um valor mensal alto para as filhas terem esse benefício.

  24. Nossa, que relevante essa materia. Só que não.
    E o povo nos comentários aginfo como se a pessoa em questão tivesse pagando por um erro, bando de homofobicos. O certo é o certo. É lei, tem q ser cumprido apesar de eu achar ridiculo esse negócio de deixar pensão so pra filha mulher, parece que ainda somos aquelas mulheres dos anos 60, incapacitadas, pelo patriarcado, de se sustentar sozinhas. Se tem pensão que seja pra todos os filho, homens, mulheres ou trans . Ou então nao da pensão pra ninguem, cada um que corra atras de seu sustento, trabalhando.

  25. O problema é que vai ter um monte de “mulher” que era homem querendo abocanhar essa pensão agora que deixou de ser homem.

  26. Daniel Vasconcelos

    Se ela tinha conhecimento disso e mesmo assim fez a mudança, parabéns pra ela/ele.

  27. Game over! Game over and game over!!!

  28. Já dizia tio Ben, com grandes poderes vem grandes responsabilidades.

  29. Agora falta se alistar e se apresentar ao exército!

  30. João Medeiros da Mota

    Pois é,gastou o dinheiro todo pra fazer a sirurgia, agora que é homem vai ter que trabalhar,se é que sabe fazer alguma coisa, porque senão, vai ser servente na construção civil!! TOMA OTÁRIO!!! KKKKKKKKKKKK.

  31. Nem como mulher maior de idade e com capacidade para o trabalho, não tinha que receber pensão. Isso é um assalto ao contribuinte mais pobre. E o militar pagava 1,5 % do soldo para isso.

  32. Há de se convir que a mulher (sim, mudança de sexo é pseudo-ciência) tem coragem de assumir os encargos e responsabilidades que o sexo masculino carrega. isso ou a mulher simplesmente é desinformada, o que é mais provável.

    • Não entendi direito o que você quis dizer, mas a pessoa queria ser reconhecida como homem *e* ao mesmo tempo continuar recebendo a pensão que é apenas para mulheres. Esquerdista quer todos os direitos e nenhuma responsabilidade.

  33. Essas pensões era outro privilégio que deveria acabar!

  34. Bem feito, quer ser homem? Vai ter que ralar como um homem. Quero ver se dará conta do recado!

  35. Claudio A. Santos

    Gente tô rindo litros, alguém sabe se isso é verdade???

  36. Eu conheço uma obra contratando Cervantes para encher uma laje se o nosso novo amigo precisar agora que acabou a mamata

  37. Super correto .
    Foi uma opção da própria perder o benefício .

  38. Nesse caso, a pessoa está quite com suas obrigações militares? E se ela passar num concurso?

  39. Bem.feito. va carrwgar saco de.comento agora.

  40. Davi Nogueira Moreira de Souza

    a pessoa que faz a mudança de sexo automaticamente ficaria devendo o serviço militar tendo que se apresentar ao quartel ou para servir ou para receber baixa e ter a carteira de reservista ?

  41. Porra josinei kkkkkkkkkkkkkk, melhor comentário.

  42. Me parece bastante justo! Foi um opção dela ou dele. Que arque com as consequências.

  43. Não quer ser homem?
    Agora vai puxar enxada e virar masseira!

    • Se estudar ñ precisa disso ñ. Ao contrário da minha avó que era da roça (puxava enxada pra arar e virava masseira pra ajudar a comunidade na construção das casas) eu estudei e hoje trabalho na área financeira.

    • Quantas enxada tu puxou hoje, babaca?

  44. Não venha reclamar disso depois.

  45. Toma!!!!!!!

  46. Mas e ai? Ela (ele) queria virar homem
    E Continuar a receber a pensao ou reclamou de machismo? Ou feminismo? Opa! Perai, fiquei confusa 😳

  47. Huehuehuehuehuehuehuehuehuehuehuebrbrbrbrbbrbrbrbrbr

  48. Procurou por isso né!!

  49. Acho que alguém vai trabalhar agora ahahhagaggaaggagaggaaggaahahahhahaha

  50. riarirariariariariariairairaira

    auheihieuheiiheieuhuieuheiheieheiheieheiuh
    huauhauhahuhuahuahua
    huuhuh3hu3hu3hu3hu33uhhu3h3h3u

    • uhauhreuhauha uhaureuauhauha auhe4awuhaeuahe
      riaraugruagriahruahruha

      apospoksaopksapokspaoksaopskapoksaopsaokspaokspoaksa
      hihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihi

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *