Home / Notícia / Nota / Cunha trata sua delação como um marco na história da Lava Jato. Pode derrubar até quatro presidentes. 

Cunha trata sua delação como um marco na história da Lava Jato. Pode derrubar até quatro presidentes. 

A coluna Painel, da Folha, diz o seguinte: “Délio Lins e Silva, advogado de Eduardo Cunha (PMDB-RJ), tem um encontro marcado com a PGR no início da próxima semana. Apresentará, pela primeira vez, o cardápio completo da proposta de delação do peemedebista. O conteúdo não compromete só Michel Temer e alguns de seus ministros, mas também a cúpula do Congresso. O presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), é citado. Cunha trata a própria colaboração como um marco na história da Lava Jato”.

A tendência é que sobre para muita gente, principalmente para Eunício Oliveira (presidente do Senado) e Rodrigo Maia (presidente da Câmara), que estão nas delações.

Quer dizer, é possível que Temer caia e seja substituído por Maia, que cairia logo em seguida, e depois substituído por Eunício, que cairia também muito em breve. Assim, Cunha poderia derrubar não apenas dois, mas quatro presidentes da República.

A matéria do Painel diz que “o volume de informações juntadas pelo peemedebista é tão grande que os advogados Pedro Ivo Velloso e Ticiano Figueiredo decidiram desembarcar da defesa de Cunha. Délio tocará sozinho as tratativas com os investigadores”.

Detalhe: “Cunha dedicou especial atenção a adversários de seu Estado, o Rio. Segundo aliados, Anthony Garotinho (PR) é citado em diversos trechos. Cunha tem dito que, após sua colaboração, a expressão “siga o dinheiro” cairá em desuso. “Será siga o bandido”.”

Sobre RedatorJornalivre

Leia também

PT insiste na mentira de que Lula será candidato à presidência

Segundo a Folha, Lula está escrevendo na prisão, em Curitiba, um manifesto que será apresentado pelo …

Um comentário

  1. João Batista Siqueira

    Isso não tem sentido. Se Maia assumir e depois cair, quem estaria na linha direta de sucessão seria o novo Presidente da Câmara que seria eleito. Com certeza, não seria o Eunício.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *