Home / Notícia / Nota / Novo ditador cubano, eleito sem concorrência, é chamado de “presidente” por parte da imprensa

Novo ditador cubano, eleito sem concorrência, é chamado de “presidente” por parte da imprensa

As manchetes não costumam dar conta da realidade, especialmente quando o assunto é Cuba. Portais como G1 e Veja noticiaram a “eleição” de Miguel Díaz-Canel Bermúdez, sucessor de Raúl Castro no comando da ilha, chamando-o de “novo presidente”.

Acontece, no entanto, que Díaz-Canel não foi eleito de verdade. Não houve uma eleição de verdade também. Ele era o único candidato, do único partido e foi escolhido como sucessor pelo próprio ditador atual.

Presidência é um posto que existe em democracias e repúblicas. Cuba não tem presidente, tem um tirano!

Sobre RedatorJornalivre

Leia também

Gleisi diz que Lula “vai ganhar eleição preso”… então porque esperneiam tanto?

Em mais um ridículo discurso no Senado, Gleisi Hoffmann afirmou que a Globo (sempre ela) …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *