Home / Notícia / Nota / Raquel Dodge diz o óbvio: “O que aconteceria se todo preso se anunciasse pré-candidato?”

Raquel Dodge diz o óbvio: “O que aconteceria se todo preso se anunciasse pré-candidato?”

Ao pedir a investigação de Rogério Favreto, na noite de ontem, a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, disse que “a condição de pré-candidato à Presidência da República não pode ter o condão de eximir quem quer que seja de cumprir a condenação criminal que lhe foi imposta, colocando-o acima da lei e das decisões judiciais”.

“De fato, o que aconteceria se todo preso em regime fechado se anunciasse pré-candidato? Seriam todos soltos pelo reclamado em sede de plantão?”

Apenas o óbvio ululante.

Sobre RedatorJornalivre

Leia também

Pedido do MBL para impugnar Lula pode ser julgado por Rosa Weber ou Luis Fux

Os plantonistas Rosa Weber ou Luis Fux podem julgar o pedido do MBL para impugnar …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *