Home / Notícia / Professora agredida em sala de aula havia dito: "tem muita gente merecendo olho roxo"

Professora agredida em sala de aula havia dito: "tem muita gente merecendo olho roxo"

A professora Marcia Friggi, de Indaial, que foi agredida por um aluno de 15 anos e virou notícia em todo o país, também é conhecida por posicionamentos bem questionáveis – até mesmo desprezíveis – sobre aqueles que pensam de forma diferente da sua.

Dando uma rápida olhada em seu Facebook, muitos internautas acharam mensagens de ódio escritas por ela contra alguns de seus “adversários políticos”. Há ataques contra João Doria e Jair Bolsonaro, há até mesmo uma comemoração pelo fato de terem jogado ovos em ambos.

No entanto, o caso mais grave é o da postagem abaixo, feita no início deste mês. Nela, a professora não apenas endossa a violência contra seus rivais como também diz, claramente, que está disposta a “partir para a porrada” e deixar as pessoas com o olho roxo. Confira:

É desnecessário dizer, porque nós mesmos noticiamos o caso, que isso de modo nenhum justifica a agressão que ela sofreu por parte do aluno. O que é preciso, portanto, é separar muito bem os casos. Margia foi vítima neste caso em que seu aluno lhe bateu, mas é também vilã ao defender uma ideologia sanguinária e violenta e principalmente por pregar a agressão física contra quem pensa de forma diferença da sua.

Sobre RedatorJornalivre

Leia também

Caso fica mais grave: Coronel afirma que assinatura em documento de espionagem no Maranhão foi forjada

O coronel Markus da Silva Lima negou que tenha assinado o documento sobre espionagem de …

14 comentários

  1. É muita cara de pau dela defender olho roxo nos outros, mas com ela não pode.
    Sugiro óleo de peroba na cara de pau dessa professora zero à esquerda.

  2. Incrível a capacidade da promotora em tratar – “caso que requer tratamento especializado e encaminhamento à avaliação e psicodiagnóstico para atendimento médico especializado” – da forma como trata. Esse país já perdeu-se faz tempo. Uma lástima. E pior, que salienta: ” o padrão da Promotoria”…. “A promotora de Justiça de Indaial, Patrícia Tramontim, disse que em caso de lesão corporal o padrão da Promotoria é pedir a prestação de serviço comunitário. No caso do adolescente, porém, ela cogita a internação, pois o adolescente cumpriu medida alternativa no ano passado, quando foi denunciado por agredir a mãe e repetiu a conduta violenta.”
    Fica evidente, prá bom entendedor, as razões de tanta ineficiência num só país.

  3. Eita coisa bizarra! E o mais irônico de tudo é que o soco no olho não veio de nenhum inimigo ideológico, mas de um aluno dela mesma.

  4. Quem com ferro fere, tanto bate até que fura.
    Ops!
    Em terra de olho quem tem um RÔXO… ERREI! 😀

  5. Ricardo Silveira

    Marx, Lênin, Trotsky, Gramsci, aliados com Paulo Freire. o resultado é este.

  6. Eu já ouvi falar que ” o castigo vem à cavalo.” Mas, vir de trem bala… ?!

  7. Estou começando a achar que ela provocou isso, ou para se encostar ou para fazer política.

  8. maria de lourdes bortolatto

    Ela queria um “olho roxo”? Chega a ser cômico…

  9. A mulher se solidariza com um advogado (de 80 anos) que entrega o outro (vagabundo!!!) com toda coragem, afirmando que até partiria pra agressão daquele verme, e você dizem que ela planta o que colhe!! Na boa… vão trabalhar na globo, tendenciosos!

  10. Pimenta nos olhos dos outros é refresco, mas nos próprios olhos não é a mesmas história.

  11. Pedro Papastawridis

    É… Isso resume o Decálogo de Lênin, seguido religiosamente pelas esquerdas mundo afora, contando com o financiamento de Soros e a defesa e divulgação ideológica feita pelas fakes news.

    Tempos estranhos estes em que vivemos…

  12. ela acabou provando do seu próprio veneno.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *