Home / Notícia / Santander recebe desafio de financiar uma exposição sobre as mortes causadas pelo socialismo

Santander recebe desafio de financiar uma exposição sobre as mortes causadas pelo socialismo

Marcelo Faria, do Ilisp, lançou um desafio ao banco Santander após a polêmica causada pela exposição promovida pelo Santander Cultura, a “Queermuseu”. A mostra de arte provocou revolta dos brasileiros que boicotaram o banco até que eles recuassem e encerrassem o evento.

Marcelo Faria lançou um desafio ao Santander: financiar uma exposição sobre as mortes causadas pelo socialismo. Confira o texto na íntegra:

Olá Santander Brasil e Santander Cultural,

Percebi que vocês cancelaram aquela exposição com quadros de pedofilia, zoofilia e similares. Já que vocês estão com dinheiro sobrando, tenho uma ótima sugestão de exposição que vocês podem financiar: Socialismo Museu. Por meio de obras mostrando os 100 milhões de mortos pelo socialismo, geraremos reflexão de forma inovadora e de qualidade. Seremos bastante inclusivos: colocaremos os ucranianos e russos mortos por Stalin, os judeus mortos por Hitler, os chineses mortos por Mao, um terço da população do Cambodja morta por Pol Pot, os milhares de LGBTs e inimigos políticos mortos por Che e Fidel, além dos mortos em países africanos igualmente socialistas como a Etiópia.

Dessa forma geraremos uma reflexão positiva que elevará a condição humana ao mostrar como o socialismo gera fome, mortes e desgraças por onde passa. Afinal, vocês estão comprometidos com a promoção do debate sobre temas contemporâneos, não estão?

Aguardo o contato de vocês para acertarmos os detalhes da exposição. Adianto que irei precisar de muito sangue cenográfico.

Abraço,

Marcelo Faria

PS: Não trabalho com dinheiro dos pagadores de impostos, somente com dinheiro privado. Com um lucro de R$ 4,6 bilhões nos seis primeiros meses de 2017, isso não será um problema para vocês, certo?

 

Fonte: Desafio ao Santander: financiar uma exposição sobre as mortes causadas pelo socialismo

Sobre RedatorJornalivre

Leia também

PT quer fazer “controle social” do Judiciário

Fernando Haddad segue sua jornada de entrevistas como dublê de coordenador de programa de governo …

6 comentários

  1. SANTANDER assim como HSBC são bancos criados com dinheiro de tráfico e corrupção.Basta estudar a origem de cada um.

  2. O desafio coloca socialismo. E o comunismo???

  3. Muito boa sua idéia. Gostaria de saber se evoluiu. Tenho minhas dúvidas se vai porém tente. Boa sorte

  4. Eu tenho a impressão que o SANTANDER vai ter que fechar as suas agências no Brasil…Só vai ter como clientes os comunistas e ladrões de sempre e esses tipos estão sendo cercados e serão extinguidos em todo o território brasileiro…Depois dessa “mancada” com essa exposição,eu sugiro ao banco abrirem mais agências na Rússia e em Cuba….

  5. Esse Banco acabou. Famílias que se preze não fará negócio com ele pois de repente pode chegar lá e deparar com mais uma EXPOSIÇÃO DE SATAN.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *