Home / Notícia / Sindicatos fazem ato fracassado em favor do MPT que quer causar desemprego no Nordeste

Sindicatos fazem ato fracassado em favor do MPT que quer causar desemprego no Nordeste

Dirigentes das centrais sindicais do Rio Grande do Norte convocaram um ato em defesa do Ministério Público do Trabalho – RN nesta quarta-feira, 27. Foi um fiasco.

O curioso é no último dia 20, cerca de 5 mil trabalhadores, de diversas cidades do RN, estiveram em protesto no mesmo local, contra a ação do MPT e em defesa ao programa Pró-Sertão.

O MPT/RN está assombrando milhares de trabalhadores da empresa Guararapes que correm o risco de perderem seus empregos por conta de uma indenização de R$ 38 milhões cobrada pelos procuradores.

A reunião dos pelegos de sindicatos não contou nem com 100 pessoas. O dirigente da CUT-RN, José Teixeira, falou que movimento era em defesa dos direitos dos trabalhadores.

Os funcionários da Guararapes enviaram uma nota ao Portal no Ar afirmando que o protesto dos sindicalistas não representa a categoria:

“Os faccionistas e costureiros do Rio Grande do Norte esclarecem que não possuem qualquer participação neste protesto. A manifestação, organizada pela CUT e outras centrais sindicais, NÃO REPRESENTA os mais de 5 mil trabalhadores de fábricas têxteis que integram o programa Pró-Sertão. Aproveitamos para reafirmar nossa posição contrária à ação do MPT que pode acabar com o projeto e, consequentemente, extinguir os empregos gerados no interior potiguar”, diz comunicado assinado pela Associação dos Faccionistas do Seridó.

Fonte: Portal no Ar.

Sobre A Redação

Leia também

Acredite se quiser: agora Dilma diz que não quebrou a Petrobras

Dilma Rousseff negou que tenha quebrado a Petrobras. Ela disse, segundo a Folha de S. …

4 comentários

  1. Daniel Rodrigues

    Só uma duvida, se a empresa foi multada então cometeu algum erro. Para onde vai esses 38 milhões caso a empresa pague:
    1. Para o ministério publico ou
    2. Para os trabalhadores da Guararapes poder dividir igualmente, afinal eles estão sendo “lesados”, não é?

  2. Infelizmente o tal “Jornal Livre” e “MBL” fazem as vezes dos “Camisas Pardas” que outrora arrasaram com o povo alemão, numa política de criticas sem qualquer sustentáculo. Se o preço da liberdade é suportar facínoras, tudo bem. Infelizmente a população emburreceu ao Googlar questões que desconhecem e compartilhar elementos fakes. Por isso, BOLSONARO NA CABEÇA para fdp nenhum ficar de pé neste País. FORA JORNAL LIVRE, FORA MBL

  3. Esses 5000 trabalhadores deveriam fundar um sindicato livre e deixar esses pelegos sem a boquinha . Seria uma resposta dos trabalhadores a esse bando de idiotas . Sindicalista nunca representou o interesse do trabalhador .

    • Amigo, não acho que os trabalhadores devem fundar um sindicato próprio. É melhor se unirem como uma associação pra não dar dinheiro pra sindicatos e centrais sindicais.Mas você tem razão no que se refere à representatividade sindical.
      Sindicatos só representam mesmo seus próprios interesses, que é aumentar o número de sindicatos e sindicalizados para engordar sua arrecadação. Assim eles tem como fazer os repasses mensais às centrais sindicais que por sua vez vão defender partidos de esquerda que não tem nada a ver com os interesses dos trabalhadores. No mais, as centrais sindicais não suportam ver uma grande empresa tratando bem os funcionários. Eles acham que as grandes empresas não devem oferecer empregos e benefícios próprios (que não foram reivindicados por eles) aos trabalhadores.
      E, em se perdendo os empregos, a esquerda canalha irá comemorar a inclusão de mais de 5 mil novos beneficiados no bolsa família, melhor dizendo, bolsa miséria que não diminuiu em nada a pobreza no Brasil, só aumentou.
      Querem ver um absurdo desta canalhada? Eles criaram o “SINDICATO DOS TRABALHADORES EM SINDICATOS.” Verdade! O objetivo disso é controlar os trabalhadores que por ventura venham reivindicar algo e, consequentemente aumentar a arrecadação e o repasse às centrais sindicais. Quer saber o mais trágico de tudo isso?
      Neste sindicato, os verdadeiros trabalhadores, tais como as Copeiras, Motoristas, Panfleteiros, Garçons, Office Boys, Telefonistas e Auxiliares administrativos não são membros da diretoria! [E isso mesmo que vocês estão lendo. Por incrível que possa parecer, os membros da diretoria são presidentes e membros de diretorias de outros sindicatos como o sindicato dos Bancários, Servidores Públicos, CUT, dentre outros que não me lembro agora.
      Grande abraço aos bravos trabalhadores da Guararapes RN. Força e luta. Sem CUT, por favor.
      Grande abraço a todos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *