Home / Notícia / Site petista está indignado com a candidatura da PM que teve ato de heroísmo ao evitar assalto

Site petista está indignado com a candidatura da PM que teve ato de heroísmo ao evitar assalto

Com o absurdo título “A candidatura da mãe PM e a exploração eleitoreira da violência”, o blog petista Diário do Centro do Mundo publicou um artigo criticando a candidatura da policial Kátia Sastre, que no último mês ficou nacionalmente conhecida após alvejar um assaltante que tentou roubar um grupo de mulheres e crianças na porta de uma escola, na véspera do Dia das Mães.

Diz o texto:

A investida do partido político junto à policial é só mais uma prova de como a endemia de assaltos, estupros e homicídios, que qualquer pessoa com o mínimo de bom senso considera trágica, pode se tornar um recurso para fins eleitoreiros.

A tática, apesar de velha, é eficiente. Ajudou a eleger os Bolsonaro e um bom número de parlamentares que levam junto aos nomes patentes militares ou a alcunha de “delegado”, escorados na tensão social provocada pela violência e pródigos em soluções rasas e inócuas como a universalização do porte da arma ou a implantação da pena de morte.

Cada crime noticiado é carne suculenta para os abutres enfiados em ternos azul-marinho. Com o papo cheio, arrotam promessas e de sobremesa saboreiam os votos dos iludidos.

A verdade é que há mesmo um grupo de políticos que se beneficia da violência urbana, mas alguns deles são integrantes dos partidos apoiados pelo DCM, que o site “esqueceu” de mencionar. Por outro lado, é mentira que a dita “tática” tenha ajudado a eleger Bolsonaro. O deputado sempre foi político, desde o começo, e nunca teve sequer a necessidade de disparar uma arma, tampouco já salvou vidas como fez Kátia Sastre.

O artigo, aliás, chama de “violência” a reação da policial, isso porque claramente interpreta o assaltante e sua atitude como resultado de algum tipo de anomalia, como se ser pobre ou não ter estudo por si só justificassem o ato.

É até provável que o PR esteja usando Kátia para obter vantagens, mas o DCM não está minimamente preocupado com ela, que é a vítima de verdade. Eles estão preocupados é com o bandido que morreu.

Sobre RedatorJornalivre

Leia também

Greenpeace admite ter colocado mala com falsa ameaça de bomba em comissão que discute o uso de agrotóxicos

Informou o G1: Pouco antes do início da reunião da comissão, destinada à votação do …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *