Home / Opinião / Fracasso de Lula no Nordeste ajuda Ibovespa a subir, diz Constantino

Fracasso de Lula no Nordeste ajuda Ibovespa a subir, diz Constantino

Texto de autoria de Rodrigo Constantino, originalmente publicado na Gazeta do Povo.

O Ibovespa, índice de ações das empresas brasileiras, passou dos 71 mil pontos nesta quinta. Em parte isso se deve ao anúncio das privatizações pelo governo Temer, que animou os investidores. Mas em parte, também tem ligação direta com o fiasco que tem sido a peregrinação de Lula pelo nordeste.

ibovespa-2.png

O ex-presidente não consegue circular nem mesmo pelas regiões com mais pobreza e ignorância, pois até nesses locais a turma já caiu na real, já sabe que o homem é um cínico, um populista, um bandido. Vejam um pequeno exemplo:

Enquanto isso, Jair Bolsonaro tem sido recebido em tudo que é lugar com empolgação, com ovação geral. Bem, de vez em quando aparece uma fascista vermelha para jogar uma ovada, mas é caso totalmente isolado de quem tenta pintar uma realidade paralela, como se Bolsonaro fosse tão odiado quanto Lula. O nível de rejeição pode ser até alto, mas nada se compara ao do petista, execrado por qualquer pessoa que mantém algum grau de inteligência ou de honestidade.

Alguém mais sensível poderia até falar em pena vendo essas imagens de Lula, mas a única pena que o petista merece é aquela de 20 anos de cadeia mesmo. Lula pode se dar por sortudo ao não sofrer o mesmo destino de Mussolini. O grau de revolta popular é imenso, e com toda razão: ele foi o grande responsável pela desgraça que se abateu sobre nosso país, pelos 15 milhões de desempregados, pela volta da inflação (agora controlada), pela roubalheira institucionalizada nas estatais, pela degradação de valores morais, pelo clima de segregação da população.

Enfim, se o PT é um câncer na política nacional, e é, então Lula é seu mentor, seu líder, o grande culpado pela situação em que vivemos hoje. Seu grau de cinismo é coisa de psicopata, e não sou eu quem diz, mas psiquiatras sérios. Apesar de tudo que já veio à tona, ele insiste em bancar a “alma mais honesta do país”, enquanto demoniza o juiz Sergio Moro. É um projeto fracassado de Maduro, o ditador venezuelano que ele ainda defende.

É claro que não podemos relaxar jamais, pois se Lula está enfraquecido, o petismo ainda vive. Também não é sábio subestimar a estupidez de parte da população, que ainda pode ser enganada pela narrativa cafajeste da extrema-esquerda, que tenta jogar todo o fardo da responsabilidade em cima de Dilma e Temer para poupar Lula pelo caos que ele criou. Por fim, há sempre a incerteza quanto às urnas eletrônicas, que não parecem tão confiáveis.

Dito isso, dá para entender a euforia dos investidores. As chances de Lula vencer em 2018, se puder concorrer e não for preso antes, são muito baixas. Lula está morto. Ao menos do ponto de vista político. Nem os nordestinos mais carentes querem saber de sua conversinha furada, de suas promessas mentirosas, de sua retórica canalha. Lula acabou!

Sobre RedatorJornalivre

Leia também

A falsa narrativa dos ‘paneleiros arrependidos’. Ou: Ninguém se arrependeu por ter tirado Dilma do poder

por Roger Scar Juliana Dal Piva, jornalista da Época e também da Agência Lupa, publicou …

Um comentário

  1. Para o bem do Brasil, com o impeachment da iolanda e a queda do molusco, tem tudo para desenvolver e crescer. Agora começamos a ver a luz no final do túnel.
    O SOCIALISMO E O COMUNISMO SÃO O CÂNCER DO BRASIL.
    BOLSONARO PRESIDENTE EM 2018!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *