Home / Opinião / Mudança de tom adotada por Doria em relação ao PT gera desconfianças em eleitores

Mudança de tom adotada por Doria em relação ao PT gera desconfianças em eleitores

Desde o ano passado, ainda durante o período de campanha, o prefeito de São Paulo vinha com um tom bastante agressivo contra o PT, especialmente contra o partido em sua esfera federal (Lula e Dilma).

Após meses de declarações afiadas contra os petistas, incluindo até mesmo ofensas e provocações, Doria muda seu tom em declaração feita esta semana, em Campina Grande, na Paraíba.

Disse o prefeito:

“Eu não quero ser contraponto de ninguém. Eu quero ser a favor do Brasil. Quero ser a favor do desenvolvimento do nosso país, a favor da geração de empregos, modernização da máquina pública, maior eficiência de gestão, mais transparência também. É isso o que nós estamos fazendo na cidade de São Paulo. É isso que tenho proposto para o nosso partido, o PSDB, e é nesse sentido que vou conduzir toda a minha jornada.”

Essa mudança de discurso soa suspeita, faz com que os eleitores sintam desconfiança. Alguns alegam que ele adotou essa mudança por estar no nordeste, onde se sentiu inseguro para atacar o PT. No entanto, é uma bobagem. Lula esteve nos últimos dias em sua campanha antecipada pelo nordeste e, sem exceção, por onde o petista passou só houve um rastro do fracasso.

No nordeste, Lula não tem conseguido nem uma fração do que esperava. Sua caravana tem sido um triste episódio de suicídio político. Sua imagem ficou ainda pior do que já estava, especialmente pelos diversos vídeos mostrando o fracasso da caravana. Por isso, não faz sentido que Doria se sinta inseguro de criticá-lo por lá, já que é evidente que o povo está saturado do PT.

O que o prefeito está fazendo é similar ao que fez Geraldo Alckmin em 2006. O resultado todos sabem qual foi.

Sobre RedatorJornalivre

Leia também

Há um Brasil doente que apoia tortura e perseguição a opositores, Sakamoto faz parte dele

por Roger Scar O blogueiro petista Leonardo Sakamoto, que escreve para o UOL, batizou um …

Um comentário

  1. João Doria já está mirando os eleitores do PT num eventual confronto com Jair Bolsonaro.
    Vocês verão um João Doria completamente diferente nos próximos meses. Ele terá que conquistar votos à esquerda para enfrentar Bolsonaro. Será mais um tucano vermelho e petista que adora perder eleições.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *